Revisão da Trezor Wallet - Como usar a Trezor Wallet no Brasil
          

Como os ativos digitais não têm contrapartida tangível, armazená-los é diferente de armazenar dinheiro e outros objetos de valor. Em essência, armazenar moeda digital é manter registros de transações em uma conta específica em moeda estrangeira.

Em uma moeda digital, a contabilidade das transações de cada conta é armazenada em uma blockchain pública. No entanto, para realizar uma operação através do blockchain, é necessária uma interface especial e, mais importante, uma chave privada, que confirma a transação. Portanto, os métodos de armazenamento de ativos eletrônicos devem ser entendidos como métodos e ferramentas para armazenamento de chaves privadas e dados pessoais do usuário, e não contabilização de transações (que já são mantidas no blockchain).

As carteiras fornecem apenas uma interface para transferências, conversões e outras operações convenientes, e o próprio armazenamento de chaves privadas pode ser "quente" ou "frio".

A principal diferença entre o armazenamento a quente e a frio é que os dados da conta e a chave privada são armazenados offline, ou seja, é fisicamente impossível acessá-los pela rede. O armazenamento a frio tem as seguintes características:

  • Proteção completa contra hackers e interceptação de dados;
  • Confirmação de transações em modo manual.

É inconveniente inserir a chave privada a cada vez, se você precisar fazer dezenas de transferências por dia, e houver menos software para armazenamento “frio” no mercado do que contrapartes “quentes”, mas essa é a única maneira de 100% proteja seus ativos de criptografia de hackers.

Uma carteira de hardware é essencialmente uma unidade flash avançada criptografada e protegida por senha que armazena todos os dados da conta do usuário. Para confirmar a operação, o usuário precisa conectar a carteira de hardware à rede, e a chave fica armazenada em um ambiente seguro e é simplesmente impossível acessá-la pela Internet.

Análise da Trezor Wallet
Análise da Trezor Wallet

O que é a Carteira Trezor?

A Trezor pertence à categoria de carteiras "frias" que não implicam uma conexão permanente com a Internet. Graças a isso, o mais alto nível de segurança e anonimato é alcançado. A carteira suporta mais de 1000 moedas - de Bitcoin e seus forks a altcoins de popularidade variável.

O fabricante do dispositivo é a empresa checa SatoshiLab, que oferece dois modelos Trezor para escolher: One e Model T.

Ambos os modelos funcionam de forma autônoma sem fonte de alimentação adicional. Você pode conectar a Trezor a um computador usando um cabo USB e existe um programa especial da Trezor Wallet para gerenciamento. O acesso ao dinheiro na carteira não pode ser obtido sem um PIN e senha.

Todas as informações são armazenadas na memória do dispositivo, que ninguém, exceto o legítimo proprietário, pode acessar. As chaves privadas também são armazenadas no próprio dispositivo.

Plataformas compatíveis

Para que a carteira funcione, ela precisa estar conectada a um PC e controlada pelo aplicativo Google Chrome. Há também clientes móveis e suporte para Linux.

Os desenvolvedores tentaram garantir que o usuário possa acessar a carteira usando qualquer computador pessoal.

Compatibilidade da carteira Trezor
Compatibilidade da carteira Trezor

Dinheiro eletrônico suportado

Inicialmente, a Trezor suportava apenas Bitcoin, mas com o tempo, o número de moedas, tokens e altcoins aumentou para 900 tipos. Tudo isso é feito para a comodidade do dono da carteira, pois é mais fácil armazenar todos os seus ativos em um só lugar do que usar 10 carteiras ao mesmo tempo.

Em quais países o dispositivo está disponível?

O dispositivo pode ser adquirido em mais de 150 países, tornando-o disponível em quase todo o mundo. Os desenvolvedores tentaram garantir que os usuários pudessem pedir uma carteira e obtê-la absolutamente sem obstáculos.

A Carteira Trezor oferece alta segurança
A Carteira Trezor oferece alta segurança

Segurança

A Trezor é uma das carteiras mais seguras da atualidade, usando várias camadas de proteção. O princípio básico: todas as chaves e senhas são armazenadas apenas em memória de hardware criptografada (que não pode ser hackeada no nível atual de tecnologia), sites e aplicativos são usados ​​apenas como interface gráfica para uma carteira.

O processo de troca de informações entre a carteira com vários dispositivos também é protegido de forma confiável: nenhuma chave é transferida, a carteira apenas verifica os parâmetros da transação que você especificou e os confirma, enquanto é impossível alterar o endereço ou o valor.

Os criadores levaram em consideração muitas opções de hackers e, graças a isso, desde o lançamento da carteira em 2013, nenhum dos usuários da carteira Trezor teve seus ativos eletrônicos roubados.

O nível de segurança externo é a senha do dispositivo. Ele contém de quatro a nove caracteres e muda sua posição na tela a cada entrada. Nesse caso, no monitor, o usuário vê teclas vazias e a localização dos símbolos pode ser vista na tela do dispositivo.

Para garantir que, em caso de perda de um dispositivo ou quebra do computador do usuário, a carteira gere uma frase secreta especial durante o registro. Após a geração, o proprietário anota a frase em seu caderno e, em seguida, a insere usando o dispositivo.

Devido a casos de falsificações no mercado, os desenvolvedores pedem o dispositivo apenas no site oficial para proteger os fundos dos usuários de fraudadores. A embalagem do próprio dispositivo não deve ser danificada e as fitas holográficas especiais não devem ter vestígios de madeira compensada.

Recursos da carteira Trezor

A Trezor pode não apenas armazenar dinheiro digital, mas também fazer transações e trocar moedas. Podemos dizer que a carteira coletou em si:

  • Melhor proteção dos fundos do usuário da carteira "fria";
  • Possibilidade de transações fáceis e rápidas, desde “hot storage”;
  • Capacidade de trocar moedas entre si, a partir de trocas de criptomoedas.
A carteira Trezor é uma hardware com troca integrada
A carteira Trezor é uma hardware com troca integrada

Serviço de suporte

O suporte ao cliente está disponível no site oficial da carteira 24 horas por dia. A equipe de suporte tenta não apenas ajudar rapidamente com o problema que surgiu, mas também faz todo o possível para corrigi-lo.

Como funciona essa carteira?

O dispositivo Trezor deve ser conectado ao computador do usuário usando um cabo USB. E depois de inserir a senha, o proprietário pode usar todas as funções da carteira, a interface do programa é simples e clara, além de agradável de se ver. Todas as ações realizadas usando a carteira devem ser confirmadas no dispositivo.

Usando uma frase especial, cada usuário pode registrar o número necessário de contas. Também é possível vincular chaves a elas a partir do número necessário de outras carteiras. Ao selecionar a opção de conta, o usuário é direcionado para a aba com transações.

Como usar a Trezor Wallet?

Para transferir moedas digitais para o armazenamento, o usuário precisa usar a função "Receber". Em seguida, você precisa preencher todos os campos, como: o endereço da carteira do remetente, a quantidade e o tipo de ativo eletrônico. Você precisa confirmar a operação no dispositivo Trezor.

Para enviar moeda digital da sua carteira, você precisa usar a opção "Enviar". Também é necessário preencher os campos: endereço da carteira do destinatário, tipo de moeda e valor. Mas a carteira permite que o usuário determine o tamanho da comissão da transação.

Quanto menor a comissão for selecionada, mais tempo a transação levará. Análise da Trezor Wallet explica que é melhor usar taxas “normais” para encontrar o meio termo.

O usuário pode acompanhar todas as transações realizadas no menu de transações, onde as transações de saída são destacadas em vermelho.

Como usar a Trezor Wallet?
Como usar a Trezor Wallet?

Como começar a usar a Trezor Wallet no Brasil?

Para começar a usar a Trezor Wallet no Brasil, o usuário deve solicitar o dispositivo no site oficial. Sua escolha será fornecida com 2 modelos do dispositivo.

Os modelos diferem visualmente, o primeiro possui uma pequena tela e 2 botões de função, enquanto o segundo possui uma tela sensível ao toque. Além disso, o modelo mais novo possui uma lista um pouco maior de ativos digitais aceitáveis.

Depois de escolher um modelo, o usuário verá uma página na qual poderá selecionar o número de dispositivos solicitados e a forma de pagamento.

Você pode pagar pelo dispositivo não apenas em euros, mas também com várias moedas eletrônicas fornecidas, como Bitcoin e mais cerca de dez tokens diferentes.

Após o pagamento, resta apenas aguardar a entrega. Assim que o usuário receber a embalagem em suas mãos, ele deve certificar-se de sua integridade e, caso haja vestígios de sua abertura, entre em contato com o suporte ao cliente no site oficial da carteira.

O proprietário deve abster-se de usar a carteira até receber uma resposta do serviço de suporte, com instruções de como proceder.

Quando o proprietário não tiver dúvidas como usar a Trezor Wallet, ele poderá prosseguir com a primeira conexão do dispositivo e aproveitar seu trabalho.

Recuperando sua conta Trezor Wallet

Se o usuário esqueceu a senha do dispositivo, você pode definir uma nova. Para fazer isso, você precisa acessar as configurações avançadas da carteira e limpar o dispositivo.

No processo, o usuário precisará inserir uma frase especial que a carteira gerou ao se conectar pela primeira vez. E também defina uma nova senha.

Prós e contras da carteira Trezor

Hoje, a carteira Trezor é considerada a mais utilizada entre os detentores de ativos digitais. Isso se deve ao grande número de vantagens inerentes a este dispositivo.

O dispositivo pode interagir com a carteira online MyEtherWallet, projetada para armazenar moedas criadas com base na blockchain Ethereum.

A Trezor Wallet tem um preço relativamente alto entre seus concorrentes, mas seu nível de proteção excede todos os tipos possíveis de carteiras.

Pontos fortes de Trezor Wallet
Pontos fortes de Trezor Wallet

Perguntas frequentes sobre a carteira Trezor

A carteira Trezor é gratuita?

O dispositivo pode ser usado de forma totalmente gratuita, o pagamento é cobrado apenas ao encomendar o dispositivo e, se o proprietário for mais cuidadoso e não o perder, esta será a única vez em que ele fez um pagamento.

É, porque sem contato com o próprio aparelho, os fraudadores não conseguirão ter acesso aos fundos dos usuários.

Antes de confirmar a operação, é necessário verificar os dados da transação que serão exibidos na tela do dispositivo.

SIMPLES E CONFIÁVEL
SACAR DINHEIRO
Boleto
Visa
Mastercard
Neteller
Adv-cash
Skrill
Webmoney
MOSTRAR TUDO
AVISO GERAL SOBRE RISCO:
Os serviços financeiros prestados por este site carregam um elevado nível de risco e podem resultar na perda de todos os seus fundos. Você nunca deve investir dinheiro que você não pode perder